11 de Abril de 2016
Carta de Apoio a Wanderlino Nogueira Neto recebe novas adesões

Já são 70 organizações que assinam a Carta de Apoio à recondução do jurista baiano Wanderlino Nogueira Neto para novo mandato no Comitê das Nações Unidas sobre os Direitos das Crianças.

Entre as organizações que aderiam a Carta nos últimos dias, destacam-se o Conselho Federal de Serviço Social (CFESS), Comitê Regional Mato Grosso da Campanha Nacional pelo Direito à Educação, Comitê Regional Rio Grande do Norte da Campanha Nacional pelo Direito à Educação, Escola de Gente – Comunicação em Inclusão (RJ), Coordenadoria de Defesa dos Direitos das Crianças e dos Adolescentes da Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro, Escola Livre de Cinema Social Cine Brazza (DF) e Fundação Abrinq (SP).

No manifesto, movimentos e instituições solicitam que o Governo brasileiro apresente a candidatura de Wanderlino até 2 de maio de 2016, prazo regimental, e solicite apoio de outros países no processo de escolha.

Já assinam a Carta de Apoio: Movimento Nacional de Direitos Humanos, Campanha Nacional pelo Direito à Educação, Fórum Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil, União Nacional dos Conselhos Municipais de Educação, Plataforma Dhesca Brasil, Comitê Nacional de Enfrentamento à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes, Conselho Federal de Psicologia, Fórum Nacional de Defesa da Criança e do Adolescente, Núcleo da Infância e Juventude da Defensoria Pública de São Paulo, Rede ECPAT Brasil, Renade, Renap, Renila – Rede Nacional Internúcleos da Luta Antimanicomial, Sociedade Maranhense de Direitos Humanos, entre outras.

A Carta de Apoio ainda está aberta para adesões, por meio do endereço eletrônico anced@anced.org.br. Confira a relação completa de assinaturas AQUI.

Mandato

Em 2012, com o apoio do governo brasileiro e de inúmeras organizações da sociedade civil, Wanderlino foi eleito com 161 dos 189 votos para cumprir mandato junto ao referido Comitê (2013-2016), onde tem realizado um importante trabalho em defesa de crianças e adolescentes de todo o mundo, fortalecendo o protagonismo do Brasil na defesa dos direitos humanos no cenário internacional.

Quem é

Wanderlino Nogueira Neto é associado ao Cedeca Rio de Janeiro, membro do Comitê dos Direitos da Criança das Organizações das Nações Unidas (ONU), procurador de Justiça aposentado do Ministério Público da Bahia e foi coordenador do Grupo para Monitoramento da Implementação da Convenção sobre os Direitos da Criança da Seção Brasil. Em 2011, recebeu dois prêmios por sua atuação na defesa dos direitos humanos de crianças e adolescentes. O Prêmio Neide Castanha de Direitos Humanos, concedido pelo Comitê Nacional de Enfrentamento à Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes, e o Prêmio Direitos Humanos 2011, concedido pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República.

Fonte: ANCED

 

Patrocínio
Petrobras
Publicações
O guia procura orientar os profissionais de comunicação para uma cobertura qualificada e contextualizada do tema oferecendo referências às políticas públicas, esclarecendo conceitos e sugerindo fontes.