Skip to main content

Clipping

17 de Agosto de 2005
Tese de doutorado tenta encontrar causas do ingresso de jovens no tráfico de drogas em São Paulo
Veículo(s) Revista Carta Capital - Brasil

O número crescente de crianças e adolescentes que matam e morrem todos os dias em São Paulo por causa do tráfico de drogas levou a psicóloga Marisa Feffermann a desenvolver a tese de doutorado Vidas Arriscadas — Um estudo sobre os jovens inscritos no tráfico de drogas em São Paulo - que se transformará em livro pela Editora Vozes. Marisa concentrou o estudo nos garotos e garotas que trabalham nos postos mais baixos na hierarquia desse tipo de crime: olheiros – vigias dos pontos-de-venda –, aviões – entregadores – e vendedores. Para desvendar o funcionamento psicológico e os padrões de comportamento desses jovens, ela analisou o papel de todas as estruturas que sustentam ou compactuam com essa modalidade de comércio – Estado, Justiça, polícia, sociedade de consumo e mídia do espetáculo. O estudo mostra desde circunstâncias em que crianças e adolescentes são todos iguais – como a necessidade de afirmação perante o grupo – até aquelas em que os inscritos no tráfico de drogas se diferenciam.

Tags
Infância e Juventude, Brasil, Conteúdo migrado do portal antigo (eixo), Conteúdo migrado do portal antigo ver todo o clipping>>
SDS - Ed. Miguel Badya, Bloco L, Sala 318 - Brasília - DF / 70394-901
Fone: (61) 2102 6508 | Fax: (61) 2102 6501
Licença Atribuição-Uso não-comercial 3.0 Brasil
Logotipo Fábrica de Ideias