31 de Março de 2014
Segregação em escolas de Nova York

Veículo: 
Estado de Minas

"Alunos das escolas públicas de Nova York estão cada vez mais isolados em grupos étnicos, econômicos e sociais, evidenciando a severa segregação racial na maior cidade dos Estados Unidos". Essa é a conclusão do estudo divulgado pela Universidade de Los Angeles, na Califórnia, sobre a educação norte-americana. A pesquisa foi feita entre 1989 e 2010 e revela que os problemas educacionais da cidade estão intimamente ligados "à perpetuação da pobreza, à discriminação policial com negros e, principalmente, à separação entre negros e brancos nas escolas". Dos 32 distritos escolares da cidade, 19 não tinham, em 2010, nem 10% de alunos brancos.

Patrocínio
Petrobras
Publicações
Publicação mapeia os principais riscos a que estão expostos crianças e adolescentes nas cidades-sede do Mundial 2014 e apresenta as iniciativas desenvolvidas pela sociedade brasileira para garantir os direitos fundamentais desses grupos etários.