29 de Outubro de 2013
SC: Cerca de 157 mil meninas devem ser vacinadas contra HPV

Veículo: 
GP1

O câncer de colo de útero matou 161 mulheres em Santa Catarina só em 2011. Por isso, a partir de 2014, a vacina será distribuida na rede pública de saúde do estado. Segundo o Ministério da Saúde, a vacina é mais eficaz se aplicada em meninas que ainda não tiveram relações sexuais; por isso, a faixa etária será para garotas entre 9 e 13 anos. A vacina será aplicada em postos de saúde e escolas. Em Santa Catarina, o objetivo é vacinar 157 mil meninas neste grupo. Caberá aos pais a autorização da aplicação da vacina. Detectar o vírus, segundo a ginecologista Ceres Oyama, é difícil. "O HPV se manifesta de três formas: uma é a infecção clínica, a infecção subvclínica, vista no Papanicolau e a latente, que é detectada apenas pela biologia molecular", explica. Mesmo vacinadas, as meninas devem fazer o preventivo após os 25 anos de idade. "É necessário que elas façam o papanicolau, que identifica células cancerígenas logo no início", explica Jarbas Barbosa, secretário de vigilância em saúde, do Ministério da Saúde.

Patrocínio
Petrobras
Publicações
O guia procura orientar os profissionais de comunicação para uma cobertura qualificada e contextualizada do tema oferecendo referências às políticas públicas, esclarecendo conceitos e sugerindo fontes.