05 de Agosto de 2014
Promotores alertam para aumento de casos de exploração sexual de crianças e adolescentes

Veículo: 
A notícia foi publicada nos principais jornais do País

Em moção de repúdio divulgada neste domingo (3), promotores de Justiça de todo o País alegam "aumento significativo" no número de casos de exploração sexual de crianças no Brasil. Eles destacam que as denúncias de crimes dessa natureza recebidas pelo Disque 100 aumentaram durante o período da Copa do Mundo (12 de junho a 13 de julho). O número saltou de 524, de 12 de junho a 13 de julho do ano passado, para 740 no mesmo período deste ano. A moção, apresentada durante encontro de promotores em Brasília, diz que, embora pontos de maior vulnerabilidade de crianças e adolescentes tenham sido detectados pela Rede de Proteção, como praias do Nordeste, Porto de Manaus (AM), rodovias federais e grandes capitais, como São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ) e Natal (RN), o País está longe do fim da erradicação da prática do crime de abuso sexual de vulnerável, com favorecimento de exploração sexual de criança ou adolescente ou de vulnerável. A Secretaria de Direitos Humanos (SDH) da Presidência da República esclareceu que o aumento do número de denúncias pelo Disque 100, não significa, necessariamente, a ocorrência de mais casos de abuso. A pasta prepara um levantamento dos atendimentos feitos nos estados durante o Mundial de Futebol.

Patrocínio
Publicações
O guia procura orientar os profissionais de comunicação para uma cobertura qualificada e contextualizada do tema oferecendo referências às políticas públicas, esclarecendo conceitos e sugerindo fontes.