15 de Março de 2017
Piauí avança na criação da Rede Estadual da Primeira Infância

Veículo: 
Veículo não definido

O governador Wellington Dias se reuniu, nessa terça-feira (14), com representantes de órgãos e instituições integrantes da Rede de Proteção à Criança e ao Adolescente no Piauí. Em pauta, a elaboração dos planos estadual e municipais da primeira infância. Trata-se de uma política pública direcionada ao público de 0 a 6 anos, voltada ao desenvolvimento integral das crianças nessa faixa etária.

A primeira infância foi tema de uma especialização feita pelo governador Wellington Dias na Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, uma das mais conceituadas do mundo.

Dentre os diversos aspectos a serem trabalhados na realidade local, Dias destacou o combate ao déficit de aprendizagem. “Precisamos estruturar a Rede Cegonha para diagnosticar, na fase inicial da vida, aqueles que têm dificuldade de aprender e cuidar deles. A família de classe média alta tem acesso ao ensino mais cedo. As famílias pobres também têm esse direito”, pontuou o governador.

No Piauí, 172 municípios aderiram ao programa Primeira Infância. Desses, 48 já elaboraram os planos de ação, incluindo Teresina. No momento, o Governo do Estado está instituindo o Comitê Gestor para acompanhamento do Programa Criança Feliz, ferramenta criada pelo governo federal para operacionalizar as ações efetivas do plano.

“É um programa intersetorial. Envolve saúde, educação, cultura, assistência social, justiça, direitos humanos e muitas outras instituições, para que possamos oferecer uma assistência integral que a criança necessita”, explicou Rosângela Sousa, diretora da Unidade de Gestão do Suas, da Secretaria de Estado da Assistência Social (Sasc).

Presente ao encontro, a integrante da Secretaria Executiva do Plano Nacional Primeira Infância, Simone Valadares, avaliou positivamente o avanço do Piauí na criação da Rede Estadual da Primeira Infância.

“A rede estadual pode entrar nos municípios fortalecendo ainda mais as ações para atingirmos os objetivos propostos”, destacou Simone.

Participaram também da reunião, o secretário de Estado da Saúde, Francisco Costa; o secretário de Estado da Assistência Social, José Santana; representantes do Conselho Tutelar, Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente, Ordem dos Advogados do Brasil e Cria.

 

Patrocínio
Petrobras
Publicações
O guia procura orientar os profissionais de comunicação para uma cobertura qualificada e contextualizada do tema oferecendo referências às políticas públicas, esclarecendo conceitos e sugerindo fontes.