19 de Junho de 2013
PA: Ato contra exploração

Veículo: 
Amazônia Jornal

Integrantes do Fórum Paraense de Erradicação do Trabalho Infantil e Proteção do Trabalho do Adolescente participaram, ontem (18) pela manhã, de uma caminhadapela avenida Pedro Miranda, em Belém, para chamar a atenção da sociedade para o problema. Na semana que vem, o governo do estado e prefeitos de alguns municípios paraenses assinarão um termo compromisso para a erradicação da exploração infantil. Os integrantes do Fórum destacaram o tema da campanha deste ano que tem foco na exploração do trabalho infantil doméstico. "O trabalho infantil doméstico é mais difícil de combater por causa da inviolabilidade do lar. Por isso já estamos trabalhando na elaboração de um protocolo de intervenção com vários órgãos ainda para este ano", declarou Deise Mácula, representante do Ministério do Trabalho e Emprego. De acordo com o estudo do Dieese, no Pará, 19.309 crianças e adolescentes entre 10 e 17 anos estão ocupados com o trabalho doméstico. Desse total, 14,28% (2.758) são meninos e 85,72% (16.551) meninas.

Patrocínio
Publicações
O guia procura orientar os profissionais de comunicação para uma cobertura qualificada e contextualizada do tema oferecendo referências às políticas públicas, esclarecendo conceitos e sugerindo fontes.