02 de Dezembro de 2014
Mortalidade infantil tem nova queda no Brasil

Veículo: 
A notícia foi publicada nos principais jornais do País

O País conseguiu mais uma redução na mortalidade infantil, na passagem de 2012 para 2013, de acordo com os dados das Tábuas Completas de Mortalidade divulgadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A taxa de mortalidade infantil, que considera crianças de até 1 ano de idade, ficou em 15 bebês para cada mil nascidos vivos em 2013. Em 2012, essa proporção era de 15,7 óbitos de crianças com menos de 1 ano para cada mil nascidos vivos. São vários os motivos: o aumento da cobertura dos programas de vacinação, do nacional de atenção ao pré-natal, do programa de aleitamento materno, a elevação do número de domicílios com saneamento básico, a melhora na higiene pública. “Tudo isso foi detectado no último Censo Demográfico”, enumerou Fernando Albuquerque, gerente da pesquisa no IBGE.

Patrocínio
Petrobras
Publicações
Publicação mapeia os principais riscos a que estão expostos crianças e adolescentes nas cidades-sede do Mundial 2014 e apresenta as iniciativas desenvolvidas pela sociedade brasileira para garantir os direitos fundamentais desses grupos etários.