18 de Janeiro de 2012
Melhora o índice de vulnerabilidade de famílias da Paraíba

Veículo: 
Correio da Paraíba

A situação de vida das famílias que vivem na Paraíba melhorou de 2003 a 2009, de acordo com o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). O índice de vulnerabilidade no estado - medido por acesso ao trabalho, desenvolvimento infantojuvenil e condições habitacionais - caiu de 34,9% para 30,6%. Isso representa um decréscimo de vulnerabilidade de 12,3%. O estudo leva em conta a capacidade das famílias brasileiras de reagir às dificuldades de dimensão social e econômica. Mesmo com a melhora no desempenho, a Paraíba ocupa o 4º lugar no ranking nacional em risco de vulnerabilidade. O decréscimo foi o sexto menor do País - maior apenas do que os estados de Roraima, Acre, Rondônia, Pará e Amazonas. O estudo Vulnerabilidade das Famílias entre 2003 e 2009 foi medido com base na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad).

Patrocínio
Petrobras
Publicações
Publicação mapeia os principais riscos a que estão expostos crianças e adolescentes nas cidades-sede do Mundial 2014 e apresenta as iniciativas desenvolvidas pela sociedade brasileira para garantir os direitos fundamentais desses grupos etários.