16 de Janeiro de 2012
MEC admite ter alterado 129 notas do Enem

Veículo: 
A notícia foi publicada nos principais jornais do País

Ao contrário do que o Ministério da Educação (MEC) afirma, não foram apenas dois estudantes que tiveram alteração na nota da redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O jornal O Estado de S. Paulo divulgou um documento no qual órgão que faz parte do consórcio organizador do exame elenca 129 candidatos que tiveram notas retificadas em função de "erro material". Questionado, o MEC confirmou os casos. A lista foi entregue à Justiça Federal de São Paulo e compõe o processo em que o estudante Michael Cerqueira de Oliveira, de 17 anos, pedia vista da prova. O rapaz, cuja nota havia sido nula, teve a pontuação corrigida para 880. Na semana passada, o ministério confirmou que outro estudante também teve a nota corrigida. O MEC não explicou, no entanto, porque afirmou que havia realizado apenas duas alterações em notas por erro.

Patrocínio
Publicações
Este guia integra uma série de publicações editadas pela ANDI – Comunicação e Direitos ao longo da última década, com o objetivo de contribuir para o aprimoramento da cobertura jornalística.