16 de Outubro de 2013
Mais da metade das pessoas com problemas de nutrição vivem na Ásia-Pacífico

Veículo: 
Jornal de Brasília

Cerca de 60% de mais de dois bilhões de pessoas afetadas pela má nutrição em todo o mundo estão na região Ásia-Pacífico, apesar de a erradicação da fome estar avançando, informou nesta quarta-feira (16) a Organização das Nações Unidas (ONU) por ocasião do Dia Mundial da Alimentação. Em comunicado divulgado em Bangcoc (Tailândia), a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) acrescentou que a região Ásia-Pacífico deverá acabar totalmente com a fome em 2025. Além dos problemas de fome, o mundo registra também 1,4 bilhão de pessoas com excesso de peso, das quais 500 milhões são obesas e correm sérios riscos de contrair doenças não contagiosas. Em todo o planeta, uma em cada oito pessoas e uma em cada quatro crianças com menos de cinco anos é vítima de má nutrição, enquanto 165 milhões de crianças nunca desenvolveram o potencial intelectual e físico devido à carência de nutrientes.

Patrocínio
Publicações
O guia procura orientar os profissionais de comunicação para uma cobertura qualificada e contextualizada do tema oferecendo referências às políticas públicas, esclarecendo conceitos e sugerindo fontes.