11 de Setembro de 2013
MA: São Luis registrou 297 casos de exploração sexual este ano

Veículo: 
O Estado do Maranhão

De janeiro a agosto deste ano, o Centro de Perícias Técnicas para a Criança e o Adolescente (CPTCA) recebeu 297 casos de crianças e adolescentes que sofreram exploração sexual. Esse número equivale a um aumento de 28% em relação ao mesmo período do ano passado. Segundo a psicóloga do centro, Maiza França, a demanda é tão grande que já há atendimentos marcados para janeiro de 2014. No ano passado, 435 familiares de crianças e adolescentes vítimas de exploração sexual deram entrada no CPTCA. De janeiro a agosto deste ano, foram 297 casos, enquanto no mesmo período do ano passado foram 232. Segundo Maiza França, psicóloga do centro, a média mensal de atendimentos é de 36 casos, visto que cada vítima precisa de pelo menos três atendimentos para relatar todos os detalhes da exploração sexual. Ela frisou que a demanda de casos desse tipo tem aumentado e o centro tem recebido um grande número de crianças e adolescentes também do interior do estado.

Patrocínio
Publicações
Este guia integra uma série de publicações editadas pela ANDI – Comunicação e Direitos ao longo da última década, com o objetivo de contribuir para o aprimoramento da cobertura jornalística.