Infância na Mídia

Agência Brasil
11/12/2017
São os jovens de 15 a 29 anos, negros, moradores das periferias e das áreas metropolitanas dos grandes centros urbanos, as maiores vítimas da violência
O Globo
11/12/2017
Para o procurador da República Jorge Luiz Ribeiro de Medeiros, banir a discussão de gênero das escolas é estimular preconceitos e evitar temas como a violência contra a mulher
Gazeta do Povo
11/12/2017
Dados do Unicef mostram que jovens que se casam muito cedo abandonam a educação formal e podem ter problemas de desenvolvimento saudável
Agência Brasil
01/12/2017
Agricultura é a principal atividade das crianças trabalhadoras; a região com maior proporção de trabalho infantil é a Norte, seguida pelo Nordeste; Pnad registra jornadas semanais de 8 horas, em média, para meninos e meninas de 5 a 9 anos
Porvir
01/12/2017
81% dos adolescentes e jovens entre 11 e 17 anos não praticam nem 60 minutos diários de atividade física. Relatório do PNUD apresenta o conceito de escolas ativas e reflete sobre o potencial das práticas esportivas durante a infância
Folha de S. Paulo
01/12/2017
O estágio de convivência, etapa de contato entre a criança ou adolescente e a família que pretende adotá-la, passa a ser de no máximo 90 dias. Já o período para a conclusão do processo de adoção será de 120 dias, prorrogáveis por igual prazo
Diário de Pernambuco
27/11/2017
Pernambuco tem hoje 1.028 pretendentes à adoção no CNA e 324 crianças disponíveis. Das crianças e adolescentes à espera de adoção em Pernambuco, 269 tem idades entre 3 e 17 anos
Diário do Nordeste
27/11/2017
Na última edição do Ideb, o Estado alcançou 5,9 pontos nos anos iniciais, quando a meta era de 4,5. O resultado ultrapassa a meta de 2021 (5,4) e deixa o CE apenas a 0,1 décimo de atingir a pontuação da média nacional (6.0)
Agência Brasil
27/11/2017
Na preocupação com a violência, o Brasil é seguido pelo México e pela Nigéria, onde o índice supera os 70%. Outros temas que angustiam as crianças são a educação de baixa qualidade e o terrorismo
O Estado de S. Paulo
14/11/2017
Escolas municipais terão de considerar as chamadas habilidades socioemocionais, que incluem criatividade, empatia e abertura à diversidade
Patrocínio
Petrobras

Ex: 16/12/2017