27 de Março de 2013
Frente evangélica contra o aborto legal

Veículo: 
O Globo

A bancada evangélica no Senado Federal pretende impedir qualquer alteração no Código Penal que amplie as possibilidades de aborto legal no País. Na semana passada, o Conselho Federal de Medicina (CFM) e os 27 conselhos regionais decidiram apoiar a liberação do aborto por vontade da gestante até a 12ª semana de gestação. O senador Magno Malta (PR-ES) afirmou ontem (26) que vai realizar manifestações com os grupos antiaborto nos próximos meses e pedir a convocação do presidente do CFM, Roberto D'Ávila, para que dê explicações à comissão especial que trabalha na reforma do Código Penal, no Senado, sobre o apoio à liberação do aborto até o terceiro mês de gestação. Magno Malta afirmou ser "terminantemente contra" o aborto e acusou o conselho de propor que crianças de 90 dias tenham suas vidas subtraidas.

Patrocínio
Publicações
O guia procura orientar os profissionais de comunicação para uma cobertura qualificada e contextualizada do tema oferecendo referências às políticas públicas, esclarecendo conceitos e sugerindo fontes.