09 de Março de 2012
DF: Empresa que deixou criança de 11 anos dirigir trator é multada em R$ 31 mil

Veículo: 
Correio Braziliense

A empresa que permitiu que um garoto de 11 anos dirigisse uma das máquinas de trabalho, um trator, terá que pagar multa de R$ 31 mil. A Secretaria de Obras do Distrito Federal advertiu e multou a empresa Geotec, responsável pela construção de um estacionamento público em Ceilândia, por irregularidades na obra. A notificação surgiu após denúncia divulgada no fim de fevereiro por um cinegrafista amador, que filmou uma criança dirigindo um trator no local da obra. A Geotec foi multada em 5% sobre o valor do contrato, que é de R$ 620 mil. O Governo do DF declarou em nota à imprensa que repudia qualquer trabalho realizado por crianças. O contrato foi mantido para evitar que a comunidade seja prejudicada com a paralisação da obra.  Na defesa apresentada, a empresa alegou que desconhecia a participação da criança na obra e que já rompeu o contrato com a empresa subcontratada. Ainda de acordo com a nota, antes mesmo do recebimento da defesa, o caso foi levado pelo Governo ao Ministério Público do Trabalho, Ministério Público do DF e à Secretaria de Segurança Pública. A obra está parada e a empresa poderá recorrer da multa.

Patrocínio
Petrobras
Publicações
Este guia integra uma série de publicações editadas pela ANDI – Comunicação e Direitos ao longo da última década, com o objetivo de contribuir para o aprimoramento da cobertura jornalística.