10 de Maio de 2013
Crianças autistas percebem movimentos com o dobro de rapidez

Veículo: 
Extra Online

Crianças com autismo veem movimentos simples com duas vezes mais rapidez que outras crianças da mesma idade, conclui um novo estudo. Cientistas acreditam que essa hipersensibildade pode dar pistas para o entendimento das causas da doença. A descoberta pode explicar por que algumas pessoas que sofrem de autismo são sensíveis a luzes fortes e a barulhos altos. “Temos a crença que o autismo é um distúrbio social porque crianças nesta condição frequentemente são conflitantes com interações sociais, mas negligenciamos que quase tudo o que sabemos sobre o mundo vem dos nossos sentidos. Anomalias na forma de olhar ou ouvir podem ter um profundo efeito no convívio social”, disse Duje Tadin, o líder da pesquisa da Universidade de Rochester, nos Estados Unidos. Apesar de estudos anteriores terem concluído que pessoas com autismo têm habilidades visuais melhores com imagens estáticas, esta é a primeira pesquisa a descobrir uma maior sensibilidade a imagens em movimento.

Patrocínio
Petrobras
Publicações
O guia procura orientar os profissionais de comunicação para uma cobertura qualificada e contextualizada do tema oferecendo referências às políticas públicas, esclarecendo conceitos e sugerindo fontes.