24 de Junho de 2015
Atenção à alimentação evita obesidade e doenças na infância

Veículo: 
www.ebc.com.br

De acordo com dados do IBGE, quase 35% das crianças entre 5 e 9 anos de idade estão acima do peso, o que é muito sério. Segundo a nutricionista Cláudia Lobo, autora de livros sobre alimentação infantil, cada vez mais cedo, as crianças estão sofrendo com doenças que apareceriam na vida adulta ou na terceira idade. Por isto, a importância de alimentos como verduras e frutas desde criança. Mas a nutricionista assegura que não adianta os pais comerem mal e obrigarem os filhos comerem frutas e verduras, porque as crianças se espelham muito nos pais ou naquelas pessoas que para elas são as mais importantes. Então, tudo que essas pessoas fizerem, as crianças vão achar que é certo e melhor para a vida delas também. E quando as pessoas decidem ter filhos, mesmo antes da gestação, devem planejar sobre como vai ser mais adequado para alimentação dessa criança, como vai ser a rotina de alimentação em casa, quem vai fazer a comida, que produtos são melhores e mais saudáveis para a família, tudo de acordo com a realidade financeira da família, e tudo isto é imprescindível para a criança ter a alimentação correta, porque ela vai comer o que os pais derem para ela comer.

Patrocínio
Petrobras
Publicações
O guia procura orientar os profissionais de comunicação para uma cobertura qualificada e contextualizada do tema oferecendo referências às políticas públicas, esclarecendo conceitos e sugerindo fontes.