Prêmio Agente Jovem de Cultura

O Ministério da Cultura, por meio da Secretaria de Cidadania Cultural, em parceria com a Secretaria-Geral da Presidência da República, por meio da Secretaria Nacional da Juventude, o Ministério da Saúde e o Ministério do Desenvolvimento Agrário, lança o Edital Prêmio Agente jovem de Cultura: Diálogos e Ações Interculturais. Parte-se do princípio que o acesso à cultura é um direito essencial de todos e que a garantia dos direitos humanos está relacionada à democracia cultural, à pluralidade de práticas cotidianas de interações sociais e à processos de formação de grupos e identidades.

Neste entendimento, a produção cultural e simbólica dos jovens pode conformar novos quadros de valores ético para a sociedade. Serão 500 prêmios concedidos a iniciativas culturais já realizadas e concluídas, propostas por jovens agentes culturais, no valor bruto de 9 mil reais, pagos para cada iniciativa contemplada, em parcela única.

Cada candidato poderá apresentar somente uma iniciativa cultural para a seleção, sendo inabilitado aquele que apresentar duas ou mais iniciativas e aquele que não se enquadrar na faixa etária estabelecida. Poderão concorrer aos prêmios pessoas físicas que, no ato de inscrição, comprovem se enquadrar na faixa etária entre 15 e 29 anos, brasileiros natos ou naturalizados e jovens estrangeiros residentes no país há mais de três anos.

Os jovens de 15 a 17 anos de idade deverão indicar um representante legal maior de 18 anos para receber os recursos, caso venha a ser selecionado.

O edital está disponível no site no Ministério da Cultura

(Fonte: Ministério da Cultura - Secretaria de Cidadania Cultural)

Onde: 
Brasília/ DF
Horário: 
Público-alvo: 
Vagas: 
Promoção: 
Ministério da Cultura - Secretaria de Cidadania Cultura
Inscrições: 
quinta-feira, 15 Dezembro, 2011 até terça-feira, 31 Janeiro, 2012

Tags:

Patrocínio
Petrobras
Publicações
Publicação mapeia os principais riscos a que estão expostos crianças e adolescentes nas cidades-sede do Mundial 2014 e apresenta as iniciativas desenvolvidas pela sociedade brasileira para garantir os direitos fundamentais desses grupos etários.